2014-crazy-for-you-164
Vídeos inéditos do musical ‘Crazy For You’
19 de janeiro de 2015
ka
Musical ‘Mudança de Hábito’ chega a São Paulo em Março
1 de fevereiro de 2015

Bastidores do musical ‘As Noviças Rebeldes’

Foto: Páprica Fotografia

Foto: Páprica Fotografia

Com texto e composições de Dan Goggin, a comédia musical Off-Broadway estreou em dezembro de 1985 e teve mais de 3600 apresentações, sendo a segunda maior temporada off-Broadway da história. O musical tornou-se um fenômeno internacional, produzido em pelo menos 26 idiomas, com mais de 8.000 produções em diversos países. Mais de 25 mil artistas já desempenharam o papel das freirinhas, não tão santas, em todo o mundo.

‘As Noviças Rebeldes’ originou-se como uma linha de cartão postal que continha a imagem de uma freira divertida, bem humorada e simpática em um ambiente religioso. Os cartões fizeram tanto sucesso que, rapidamente, Goggin decidiu expandir o conceito em um show de cabaré chamado The Nunsense History, que abriu temporada de apenas 4 dias, mas permaneceu 38 semanas em cartaz, incentivando assim, seu criador a fazer a adaptação para uma grande produção teatral.

No Brasil, o texto teve sua primeira montagem em 1987, com elenco feminino, e ganhou a primeira versão com elenco totalmente masculino pela Cia Baiana de Patifaria. As duas montagens tiveram direção de Wolf Maya. Quase 30 anos depois, Wolf traz novamente aos palcos esse fenômeno da dramaturgia musical.

O espetáculo conta a história de cinco freiras que saíram da Irmandade de Salue Marie para jogar bingo em outro convento. As 52 freiras que ficaram morreram, vítimas de botulismo ao tomar uma sopa feita com legumes enlatados vencidos. As cinco freiras sobreviventes, ao retornarem, descobrem que o caixa da Irmandade foi desfalcado pela Madre Superiora e que só dispõem de recursos para o funeral de 48 das freiras falecidas. Deixam então as quatro restantes num freezer até que consigam arrecadar dinheiro, através de um show beneficente, para enterrá-las. Daí em diante, essa comédia musical traz grandes revelações sobre as personalidades das freiras do convento, que realizam um espetáculo repleto de diversão e belo visual com coreografias que vão do balé clássico ao sapateado.

A nova montagem tem tradução e adaptação de Flavio Marinho, direção musical de Liliane Secco e um elenco composto por Soraya Ravenle, Sabrina Korgut, Maurício Xavier, Helga Nemeczyk e Carol Puntel. E foi o único homem da peça, Mauricio Xavier, que nos guiou por uma visita super divertida pelos bastidores do musical.