SIM, SIM, SIM / EU POSSO BEM MAIS


Sim, sim, sim

Eu rezo pra ser um sim

Eu rezo pra ser

Eu rezo pra ser um

Sim, sim, sim

Eu rezo pra ser um sim

Eu rezo pra ser

Eu rezo pra ser

Um sim

Sim, sim, sim

Eu rezo pra ser um sim

Eu rezo pra ser

Eu rezo pra ser

Um sim

Sim, sim, sim, sim, sim

Sim, sim, sim, sim

Eu rezo pra ser um sim

Eu rezo pra ser um sim

Eu rezo pra ser

Eu rezo pra ser

Eu rezo pra ser

Ser um sim

Ser um sim

(...)

Isso não

É ficção

Não é como um filme

Na televisão

O que vê

Não é o mesmo que você

Viu na TV

Sou demais

Quero mais

Vou mostrar pra todos

Do que sou capaz

Vejo a luz

Que me chama

E conduz para a fama!

(...)

Não vai dar

Que azar

Deus, que maratona

Vou ter que encarar

Sem parar

Vou pra casa e não voltar

E vomitar!

Quanto fez?

Dez ou três?

Quem tirar mais baixo

Vai perder a vez

Se sentir

Como um nada quando ouvir

A chamada

(...)

Que legal

Surreal

É aqui que ensinam

Como ser o tal

Perco o chão

Perco a concentração

De empolgação!

(...)

Sou mais eu

E o futuro é meu

Vou correr

De encontro ao vento

Vou tocar o céu

Ter o meu troféu

E provar

O meu talento

Eu posso

Posso

(...)

Eu posso

Posso

(...)

Eu posso bem mais!

Eu posso bem mais!

Eu posso bem mais!

Eu posso bem mais!

Eu posso bem mais!

Teatro é o trabalho que exige muito mais

Bem mais

Trabalho que exige muito mais

Dança é o trabalho que exige muito mais

Trabalho que exige muito mais

Bem mais

Música é o trabalho que exige muito mais

Trabalho que exige muito mais

Bem mais

Trabalho que exige muito mais

(...)

Sou mais eu

E o futuro é meu

Vou correr

De encontro ao vento

Vou tocar o céu

Tocar o céu

Ter o meu troféu

E provar

O meu talento

Eu posso

Posso

Posso

Posso

Eu posso bem mais

Eu sei que eu posso bem mais

Eu posso bem mais

Bem mais

Eu posso bem mais

Eu posso bem mais, eu posso muito mais

Bem mais!

EU VOU FAZER SONHOS


Eu vou fazer sonhos

Eu vou soltar raios e trovões

Fazendo você acreditar

Nessas ilusões

Eu vou fazer sonhos

Eu vou fazer sonhos

E a cada momento uma emoção

Para enfeitiçar o seu olhar

E o seu coração

Eu vou fazer sonhos

Eu quero te fazer acreditar

Que eu posso ser o grande herói da história

Ou alguém sem glória

Pobre ou rei

Juiz ou réu

Eu quero descobrir o que eu vou ser

As vezes um vilão ou um mocinho

Grande ou pequenino

Quero buscar dentro de mim as emoções

Eu vou fazer sonhos

Eu vou fazer sonhos

Eu vou fazer sonhos

Diversas vidas pra viver

O que importa é fazer

Eu vou fazer sonhos

Sonhos

Sonhos

Sonhos

Sonhos

Sonhos

NÃO DÁ PRA BROXAR


Quando acorda e o amigo tá de pé

E fica lá em sentido

Como um guarda de libré

Ou quando vai num filme pornô

E então bem antes da sessão

Você tenta fingir

Que não tá com aquele tesão

Você sai doidão

Pra zoar depois de uma maconha

E encontra uma mulher

Que dança igual a Madonna

Que bundona

Ou quando vai

Pra cama e vem um frio que até dói

Coloca a mão bem ali

E então você relaxa vendo a Playboy

E é sempre assim, quando ela vem

E não dá, e não dá

Não dá pra broxar!

Não dá pra broxar

Quando ela vem

Não consigo mesmo controlar

Não dá, não dá pra broxar

Não, não, não, não, não dá

(Nunca broxar)

E eu quero, eu quero

Eu quero agitar!

(...)

Me lembro muito bem, certa vez

Em que aprendi o que é sofrer

E foi a vez que tive a primeira lição

Do que é morrer

Parentes de luto a chorar

A morte da Tia Juanita

Mas logo então

Chegou com flores na mão

Minha prima Conchita

O choro no olhar

Só fez parecer mais latina

E eu perdi o meu chão

Não podia fugir dessa sina

E ela disse 'hola'

Pra família e veio pra mim

E então me beijou

Meu olho desceu

Nunca tinha olhado assim

Por entre os botões

Eu vi dois melões

E não dá, não, não dá

Não dá pra broxar!

Não dá pra broxar

Não, não, não, não, não dá!

(Nunca broxar)

Eu quero, eu quero

Eu quero agitar!

Agitar

Sem broxar

Eu quero, eu quero

Eu quero agitar!

RAP DO TYRONE


Ei, rica, nem vem

Que não tem

Só eu sei

O que passei

Nesse mundo sujo, mundo cão

Comendo só pó e grão

Num cortiço da ralé

Nunca me disseram como é

Ser negão não pega bem

Ou tu lava o carro ou tu é ninguém

A cor não sai, a cor que tem

Vai ser assim até morrer

Então não me diga o que fazer

É, eu sei que tem Pryor e Poitier

Na mesma praia que Sugar Ray

Muhammad Ali e Doctor J

E quase a inteira NBA

Reggie Jackson, Jesse Jackson

Michael e Mahalia Jackson

Mas onde tem lugar pra mim?

Por aí a coisa ta bem ruim

Só bandidos

Corpos vendidos

Drogados

Mal-encarados

Jovens dançam por trocados

Bonés e moletom

Um par de tênis e até um som

Sacou? E aí?

Então não fala mais merda aqui!

OLHA LÁ / FAME


Olha lá

Aquela moça brilha mais que o sol

Atrai a todos como a luz de um farol

Pois olha lá!

Quando ela vem

Já se aglomeram os fotógrafos

E a multidão pedindo autógrafos

Quando ela vem!

Todos estão aos seus pés

Querem tocá-la, querem mais

Mas seu olhar deixa todos sem ação

É fatal demais!

(...)

Meu sucesso é o melhor

Meu fã clube é o maior

Sinta o calor

Da multidão

A visão do céu é a melhor sensação!

Fame!

Eu vou viver pra sempre

Vou aprender a voar

Vai

E o mundo todo pra sempre

Vai aprender a me amar

Fame!

Eu vou chegar lá no topo

Junto às estrelas e além

Fame!

Eu vou viver pra sempre

Baby, eu vou ser alguém!

Vou viver, vou viver, vou viver

Vou viver, vou viver, vou viver

Voy a vivir pa’ siempre

Voy a llegar a volar

Fame!

Estrella en todo el cielo

Qu’ empezara a brillar

Fame!

Voy a vivir pa’ siempre

Voy a llegar a volar

Estrella en todo el cielo

Mira!

Mira!

Quiero brillar!

Meu sucesso é o melhor

Meu fã clube é o maior

Sinta o calor

Da multidão

Ay, mamacita mia

Mas é tanta emoção!

Olha lá

(Olha lá)

Olha lá

(Olha lá)

Quem não queria

Ser uma estrela também?

(Estrela também)

Pois olha lá!

Vou viver, vou viver, vou viver

Pra sempre

Eu vou ser alguém!

TER UM ROMANCE


A nossa relação

É de irmã e irmão

Isso me da satisfação

Tenho por você tanta afeição

Eu não teria ido além sozinha

Mas outra coisa eu sei

Tanto tempo eu guardei

E isso só foi crescendo

O que eu realmente penso de nós

O que eu realmente sinto por nós

Por que não, por que não

Por que não quer

Ter um romance

Não precisa ser clichê

Só um romance

O amor não tem porquê

Deixa as tragédias para trás

Romances valem mais

Vamos montar uma cena igual

A de um romance

Que é real

Tenho por você tanta afeição

Eu não teria ido além sozinha

Mas outra coisa eu sei

Tanto tempo eu guardei

E isso só foi crescendo

O que eu realmente penso de nós

O que eu realmente sinto por nós

Por que não, por que não

Por que não quer

Ter um romance

Não precisa ser clichê

Só um romance

O amor não tem porquê

Deixa o coração

Guiar a emoção

Vamos montar uma cena igual

A de um romance

Romance

Que é real

ARGUMENTO DAS PROFESSORAS


Todo artista é meio anormal

Pensam que as regras são algo banal

Ficando trancados só vão se dar mal

São diferentes

Ser um artista não é ser boçal

Aprendem que as regras são algo normal

Descobrem que o estudo é o essencial

São como a gente

Musica, dança, teatro, o que for

Precisam do nosso favor

E vão conquistar seu lugar

Mas vão ter que estudar

E nós vamos guiar!

Todo artista é gente comum

Talento não é privilégio nenhum

Quem não se dedica será só mais um

Que fracassou! Que fracassou!

(...)

De tantos que já vi passar aqui

Uns sem vontade e outros que nem

Talento eu vi

Ninguém melhor, ninguém que dance

Com seu suor, seu perfil

Seu incrível alcance

Ele tem chance!

E eu bem me lembro

Nunca fui boa assim

Sonhava que no balé

Eu era a princesa enfim

Tutu e ponta

Coque atrás

Ninguém me notava

Eu não tinha nada

Ele tem chance, acredite

Sabe dançar

Ele vai longe, acredite

Deixe-o tentar

(...)

Sempre diziam pra eu estudar

Mais!

Dia após dia eu ia estudar

Mais!

Quem quer chegar além do horizonte

Estuda pra não viver sob uma ponte

Mais! Mais!

Sempre estude mais

É o que importa

Sempre estude mais

Nunca deixe de ler

Quem não é capaz

Não vai abrir portas

Tem conseguir

Tem que conseguir viver!

Ele tem chance

Sempre estude mais

Sabe dançar

Sempre estude mais

São diferentes

São como a gente

E ele chega lá!

E ele chega lá!

FESTIVAL JUNIOR


Eu vou fazer sonhos

Eu vou ser maior do que já fui

Enchendo as platéias de emoções

Que eu olhar enfim

Eu vou fazer sonhos

Eu vou soltar fogo em minha voz

Tornando um texto de um papel

Vivo e feroz

Eu vou fazer sonhos

(...)

Olha lá!

Aquela moça brilha mais que o sol

Atrai a todos como a luz de um farol

Pois olha lá!

Quando ela vem

Já se aglomeram os fotógrafos

A multidão pedindo autógrafos

Quando ela vem

Todos estão aos seus pés

Querem tocá-la, querem mais

Mas seu olhar deixa todos sem ação

É fatal demais!

(...)

Eu vou fazer sonhos

Vou sempre sonhar

Chegar lá no topo

Eu quero brilhar

Ser o melhor

Ser o maior

Posso

Vou ser alguém!

PENSE COMO A MERYL STREEP


Devo usar em cena tudo que vivi

Como a Katharine Hepburn, como a Vivien Leigh

Todo sentimento

Tudo que investi

Devo usar em cena

Como a Meryl Streep!

Não tenho motivo pra chorar um mês

Explodir de ódio ou pirar de vez

Tudo que eu sentia, só eu que sofri

Vou usar em cena

Como Meryl Streep!

Eu guardo tanta coisa dentro de mim

Pode ser algo bom ou ser algo ruim

Eu guardo tesouros pra dar

O dom de uma atriz é encontrar

O que pode mostrar

E então se livrar do que não importa

E sempre guardar atrás de uma porta

Cada momento como um troféu

Pra construir o seu papel

Eu forço um sorriso, finjo que estou bem

Solto uma piada, rio com desdém

E se a dor me encontra, guardo ela aqui

Pra usar em cena

Pra usar em cena

Pra usar em cena

Como a Meryl Streep!

PRECE DA MABEL


Senhor

Me dá a mão

Liga pra mim do teu santo orelhão

Diga Senhor

O que queres então de mim

Tira a comida de perto de vez de mim

Senhor

Dá logo a mão

(Me dá a mão)

Liga aqui

(Liga já)

Do teu santo orelhão

(Liga já, do teu santo orelhão)

Diga, Senhor

O que queres então de mim

Tira a comida de perto de vez daqui

(Tira a comida de uma vez de mim)

Oh, Senhor

Dá esperança

Não quero mais ser

A gorda da dança

(...)

A gorda da dança

DANÇO NA CALÇADA


Quando o meu despertador dispara

Pra acordar eu lavo a minha cara

Depois eu to com tudo em cima

Abro a janela, confiro o clima

Como quem viu um coveiro

Eu me mando a mil

Como um carteiro

No calor ou no frio

Sozinho eu vou

Então eu danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Sinal, é hora de correr

Eu vou pra Wall Street

É lá que vão me ver

Na calçada eu sou o cara

Só pra me ver o mundo para

E eu sigo pro oeste

Onde tem multidão

E eu provo nesse teste

Que eu chamo atenção

Gritam por mim

Quando eu danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Eu vou pro centro outra vez

Eu paro os carros la na 46

Depois eu sigo o neon

Time Square, eu mostro que eu sou bom

Pro gran finale, danço tudo o que eu sei

E vale tudo, na Broadway vou virar rei

De Nova York

Quando eu danço

Danço, danço

Na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

Danço na calçada

MINHAS CRIANÇAS


Quando há problema

E o mundo cai na escuridão

Eu nunca sei pra onde vou

Quando aqui dentro

Eu não encontro a solução

Eu sei que a luz se apagou

Quando é assim

Só um pensamento vem

Apenas um

Que me faz bem

Minhas crianças

Do coração

Em cada rosto, minha missão

Minhas crianças

Pra sempre vão ser

E eu louvo a Deus

Por me escolher

Por me escolher

Não recebi

O privilégio de ser mãe

De me casar, ser esposa e mãe

Mas recebi

E eu nem podia imaginar

A mais linda benção

Que é ensinar!

Minhas crianças

Do coração

Em cada rosto, vejo minha missão

Minhas crianças

Pra sempre vão ser

E eu louvo a Deus

Eu louvo a Deus

Eu louvo a Deus

Por me escolher

Por me escolher

Minhas crianças

TERRA DA ILUSÃO


Cheguei em Hollywood

Com um bilhete que um cara mandou

E uma mala pequena

Que a minha amiga emprestou

Fiquei com esse cara um mês

Mil amigos logo fiz

Festas e festas sem fim

Conhecendo gente do showbiz

Hollywood é a terra da ilusão

Quem for pode se dar bem ou mal

Se alguém diz que lá

Tudo é sonho e só

Pode ser, mas um sonho é um ideal

E só lá se torna real

Com tanto álcool e pó

E os dias sempre mais surreais

Perdi de vez a noção

Achava aquela cara demais

Um dia então acordei

E eu nem sabia o lugar

Na boca só o sabor

De uma ressaca sem valor

Eu decidi fugir

E achei um bico pra dançar

Me exibi

Pra um, pra dois

Pra quem pagasse mais

Eu contava os segundos

Pra sair de lá

Depois chorava só

Até não ter mais lágrimas

Tentava não pensar naquilo

Mas não tinha fim

Então pensava no lugar de onde eu vim

Era um dia de cada vez

Aos poucos me acostumei

Fugi dos espelhos pra não ver quem virei

Hollywood é a terra da ilusão

Quem for pode se dar bem ou mal

Se alguém diz que lá

Tudo é sonho e só

Pode ser, mas um sonho ideal

E só lá

E só lá

E só lá o sonho é real

Hollywood é a terra da ilusão

E é lá que as histórias têm o seu final

Se ouvir que por lá é só sonho e só

Vai tornar o seu sonho real

E só lá

E só lá

E só lá se torna real

O MEU FUTURO VAI BRILHAR


Hoje chegou

O momento crucial

Em que temos o futuro na mão

É agora

Que nós vamos descobrir

Se o que vem será fácil ou não

Nós podemos olhar

Pro infinito do céu

E saber o que é ser feliz

Nós podemos sonhar

Que o futuro é fiel

E trará tudo mais que se quis

O meu futuro

Vai brilhar

Como um sol de verão que invade o céu

E toca o mar

Sempre há outra chance de acreditar

O meu futuro

Vai chegar!

Anos atrás

Quando o mundo era ilusão

Nossa infância

Nos fazia sonhar

Com um lugar

Onde dava pra voar

De onde não se queria voltar

Esse lindo lugar

(Esse lindo lugar)

Se desfaz ao crescer

(Se desfaz ao crescer)

E então é preciso voltar

(Bye, bye, bye)

Só nos resta notar

Que aqui pode ser

Um lugar novo pra inventar

O meu futuro

Vai brilhar

Como um sol de verão que invade o céu

E toca o mar

Sempre há outra chance de acreditar

O meu futuro

Vai chegar!

O meu futuro

Vai chegar

No meu futuro

Acreditar

O meu futuro

Vai chegar

O meu futuro

Vai chegar

O meu futuro

Vai brilhar

Como um sol de verão que invade o céu

E toca o mar

Sempre há outra chance de acreditar

O meu futuro

Vai chegar!

O meu futuro

Vai chegar!

FAME


Baby look at me

And tell me what you see

You ain’t seen the best of me yet

Give me time

I’ll make you forget the rest

I got more in me

And you can set it free

I can catch the moon in my hand

Don’t you know who I am

Remember my name

Fame!

I’m gonna live forever

I’m gonna learn how to fly

High!

I feel it coming together

People will see me and cry

Fame!

I'm gonna make it to heaven

Light up the sky like a flame

Fame!

I'm gonna live forever

Baby, Remember my name!

Remember, remember, remember

Remember, remember, remember

Baby, hold me tight

'Cause you can make it right

You can shoot me straight to the top

Give me love and take all I got to give

Baby, I’ll be tough

Tôo much is not enough

I can ride your heart ‘till it breaks

I got what it takes

Remeber my name

Fame!

I’m gonna live forever

I’m gonna learn how to fly

High!

I feel it coming together

People will see me and cry

Fame!

I’m gonna make it to heaven

Light up the Sky like a flame

Fame!

I’m gonna live forever

Baby,remember my name

Remember, remember, remember

Remember, remember my name

Fame!